Voz passiva sintética / sujeito indeterminado

Pluralize a expressão em destaque e, caso esta funcione como sujeito, faça o ajuste da forma verbal:

Expressões preposicionadas não funcionam como sujeito.
Exemplo 1:
Fala-se de séria crise internacional.
Fala-se de sérias crises internacionais.
Exemplo 2:
Encontra-se à venda importante coleção.
Encontram-se à venda importantes coleções.

1. Precisa-se de pedreiro.
2. Descobriu-se a causa do desastre.
3. Não se crê em fantasma.
4. Formula-se nova teoria.
5. É bom que se reserve antes a passagem.
6. Falou-se de possível desfalque na seleção.
7. Mencionou-se o nome escolhido.
8. Espero que se mantenha o critério atual.
9. Necessita-se de mais recurso.
10. Construiu-se nova usina hidrelétrica.
11. Não se confia em pessoa estranha.
12. Vê-se ao longe o petroleiro.
13. Não se manteve o horário de costume.
14. Hoje já não se gosta de passeio como antigamente.
15. A verdade é que não se busca a solução a longo do prazo.

RESPOSTAS

      1. Precisa-se de pedreiros.
      2. Descobriram-se as causas dos desastres.
      3. Não se crê em fantasmas.
      4. Formulam-se novas teorias.
      5. É bom que se reservem antes as passagens.
      6. Falou-se de possíveis desfalques na seleção.
      7. Mencionaram-se os nomes escolhidos.
      8. Espero que se mantenham os critérios atuais.
      9. Necessita-se de mais recursos.
      10. Construíram-se novas usinas hidrelétricas.
      11. Não se confia em pessoas estranhas.
      12. Vêem-se ao longe os petroleiros.
      13. Não se mantiveram os horários de costume.
      14. Hoje já não se gosta de passeios como antigamente.
      15. A verdade é que não se buscam as soluções a longo do prazo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário