Colocação pronominal - próclise e ênclise

Antecipe a expressão entre parênteses, atentando para a mudança de posições do pronome em destaque. 

Exemplos:
O secretário ofendeu-a (A recepcionista informou QUE).
A recepcionista informou QUE o secretário a ofendeu.
Dedicamo-nos ao trabalho (NÃO).
NÃO nos dedicamos ao trabalho.

1. Falou-se em mudanças (SEMPRE).
2. Vive-se bem por lá (Disseram-me QUE).
3. Respeitem-na ( Desejamos QUE vocês)
4. Deram-me a notícia (Fui lá ASSIM QUE).
5. Interessou-se pelo assunto (O caso virou notícia de jornal QUANDO ele).
6. Parecia-nos interessante a compra de novos equipamentos (Declaramos QUE).
7. Deram-lhe outro aparelho (Ele me contou QUE)
8.Retirou-se da vida pública (O Presidente teve vida mais calma DEPOIS QUE).
9. Encontrei-a doente (NUNCA).
10. Digam-lhe o quanto a desprezo (Quero QUE).
11. Soube-se quem foi o vencedor (JÁ).
12. Aceitam-se cheques (NÃO).

RESPOSTAS
      1. Sempre se falou em mudanças.
      2. Disseram-me que se vive bem por lá.
      3. Desejamos que vocês a respeitem.
      4. Fui lá assim que me deram a notícia.
      5. O caso virou notícia de jornal quando ele se interessou pelo assunto.
      6. Declaramos que nos parecia interessante a compra de novos equipamentos.
      7. Ele me contou que lhe deram outro aparelho.
      8. O Presidente teve vida mais calma depois que se retirou da vida pública.
      9. Nunca a encontrei doente.
      10. Quero que lhe digam o quanto a desprezo.
      11. Já se soube quem foi o vencedor.
      12. Não se aceitam cheques. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário